O Remédio para a Alma

Mais uma dor arrebata meu coração
Como posso curá-la se os remédios que possuo
Não são feitos para a emoção
E meus pensamentos me deixam cegos

Ou talvez devesse me juntar aos loucos
Um sorriso, uma notícia, um presente
Vou recebendo doses de alegria aos poucos
Queria mesmo ao meu lado quem está ausente

Voa livre alma amada
Deixaste semeados muitos sentimentos
O amor multiplicado em cada caminhada
De tanto bem dispersado, muitos momentos

Suas palavras, lembranças, doses diárias
Saudade, guardarei a tua nobre razão
Vou me curar, pois a alma com feridas várias
Cicatrizará, pois ti amo meu querido irmão.

Chaiene BS



Comentários